Manifesto à Nação em defesa da Petrobras

27 de junho de 2009 / 17:39 Informes Enviar por e-mail Enviar por e-mail Imprimir

A+ A-

Lideranças do Movimento Negro promoveram ontem (26/06), no encerramento do painel sobre “Democracia e Superação do Racismo no Século XXI” da II Conferência Nacional de Promoção da Igualdade Racial, um ato em defesa da Petrobrás e de repúdio à tentativa de atingir a imagem da maior empresa do país. Durante o ato foi lido o “Manifesto à Nação em defesa da Petrobrás”.

Manifesto à Nação em defesa da Petrobras

Um dos mais expressivos patrimônios do povo brasileiro está ameaçado.  A Petrobras é uma empresa símbolo da competência e do sucesso do país, contudo esta sendo alvo de denuncismo irresponsável. Está em jogo a soberania e o direito do povo brasileiro de compartilhar da riqueza encontrada em seu subsolo, já que a exploração do pré-sal é um dos pilares do modelo de distribuição de renda para as próximas gerações brasileiras.

A criação de uma CPI, como instrumento legislativo democrático, não pode ser utilizada como palco para geração de factóides midiáticos e manipulação grosseira da opinião pública. A atuação da frente parlamentar liderada pelos senadores revela ausência de compromisso com o esforço para superação da crise internacional. Mais do que isso, materializa o desrespeito implícito às instituições que tem a atribuição constitucional de auditar e controlar, como o TCU e a CGU. Fica claro que a intenção não é investigar ou apurar os fatos, mas patrocinar seções exibicionistas transmitidas pela TV, transformando mais uma vez os espaços legislativos em espetáculos midiáticos.

A Petrobras é uma empresa parceira do movimento pela igualdade racial. Vem colaborando para a consolidação da política de superação das históricas injustiças a que a população negra do país está submetida. Por meio do apoio a iniciativas de geração de renda, ações afirmativas, reconhecimento e valorização da cultura afro-brasileira, a empresa vem contribuindo para o enfrentamento do preconceito racial. Preconceito este que, lamentavelmente, está presente em nosso país e implica a exclusão da população negra das universidades, da educação básica, do mercado de trabalho e dos postos de poder, perpetuando um ciclo de desigualdade e miséria.

O momento é de convocatória aos movimentos sociais. As organizações negras se agigantam para protestar e defender uma das maiores conquistas do povo brasileiro. Convidamos as entidades da sociedade civil para fazerem coro neste manifesto em defesa da Petrobras. Repudiamos essa nova tentativa de atingir a imagem da maior empresa do país, parceira de nossas lutas e conquistas. Estamos comprometidos no mais ferrenho engajamento em sua defesa.

O pré-sal é nosso! O petróleo é nosso. E a Petrobras é do povo brasileiro!

Assinam este manifesto:

Bloco Cultural Bloco Carnavalesco Ilê Aiyê
CEAP
CEN
CEPIR-MT
CONEN
Delegagação de Mato Grosso
FEUCMAT-MT
Incubadora Afro Brasileira
Instituto de Mulheres Negras – MT
Instituto Ébano Brasil – MT
INTECAB-MT
Movimento Inteligência Negra – MT
Unegro
União de Moradia Popular – UNMP
Olodun

Deixe seu comentário

Prezado leitor,

Lembramos que não serão aceitos comentários que tenham conteúdo ou termos ofensivos, nem que sejam desassociados do tema do post. Dúvidas sobre temas diversos devem ser encaminhadas ao Fale Conosco do site.

 caracteres restantes