A importância geopolítica do pré-sal

30 de julho de 2009 / 12:54 Reportagens Enviar por e-mail Enviar por e-mail Imprimir

A+ A-

pré salNesta quinta-feira (30/7) os jornais da imprensa nacional e internacional trazem inúmeros sinais da importância geopolítica do pré-sal e dos interesses que cercam este tema. Veja abaixo alguns destaques selecionados pelo Fatos e Dados:
..

  • A agência de notícias Bloomberg divulga que a BG irá retomar os testes no poço Corcovado-1 quando o equipamento necessário chegar. O presidente-executivo da BG Group, Frank Chapman, negou a reportagem do jornal Valor, na qual o períodico afirma que o poço Corcovado-1 está seco. Disse Chapman “suponho que as pessoas que publicaram esta informação não têm acesso à informação de confiança”.
    .
  • O jornal especializado Upstream destaca que uma reportagem (da imprensa brasileira) e o declínio no preço internacional do petróleo fizeram recuar as ações da Petrobras mais de 2% durante o pregão de ontem (29/7) da Bolsa de Valores de São Paulo, informou o Dow Jones Newswire.
    .
  • O jornal do Brasil publica que a empresa norueguesa StatoilHydro aposta no potencial de petróleo abaixo da camada de sal nos blocos já adquiridos pela companhia, em consórcio, nas bacias do Jequitinonha e de Campos.
    .
  • O consultor David Zylbersztajn, no Estado de S.Paulo, ao falar dos desafios da atual fase de exploração do pré-sal, destaca o financeiro, pois “(…) se confirmados os volumes de reservas, as necessidades de capitais será de um volume monumental, podendo alcançar a U$ 1 trilhão (…)”.

Deixe seu comentário

Prezado leitor,

Lembramos que não serão aceitos comentários que tenham conteúdo ou termos ofensivos, nem que sejam desassociados do tema do post. Dúvidas sobre temas diversos devem ser encaminhadas ao Fale Conosco do site.

 caracteres restantes