Uso político: de O Globo

1 de agosto de 2009 / 18:16 Respostas à Imprensa Enviar por e-mail Enviar por e-mail Imprimir

A+ A-

uso político o globo 1 8Sobre a matéria “TCU teme uso político de paralisação de obras da Petrobras no Comperj”, publicada em O Globo de hoje (1/8), a Petrobras mais uma vez esclarece que a paralisação não teve qualquer relação com possíveis questionamentos do Tribunal, mas sim com o volume de chuvas na região de Itaboraí nos últimos meses, que foi muito maior do que a média histórica. Assim, os recursos previstos em contrato para cobrir os gastos com as paralisações durante as chuvas se esgotaram. A ação rápida da Petrobras não é um reconhecimento de “problemas sérios” na obra ou tentativa de “vilanizar” o TCU, teses que o jornal atribui a “gabinetes” e “bastidores” do Tribunal.

Ao garantir a retomada das obras (por meio de acordo com o consórcio responsável pela terraplanagem) e trabalhar para evitar novas interrupções, a Petrobras tem como objetivo viabilizar um empreendimento que vai gerar uma eco nomia para o País de mais de US$ 2 bilhões por ano em divisas, por meio da redução da importação de derivados e de produtos petroquímicos, além da geração de 200 mil empregos diretos e indiretos durante os cinco anos da obra e após sua entrada em operação.

Sobre a matéria “TCU teme uso político de paralisação de obras da Petrobras no Comperj”, publicada na página 36 (em 1/8), a Petrobras mais uma vez esclarece que a paralisação não teve qualquer relação com possíveis questionamentos do Tribunal, mas sim com o volume de chuvas na região de Itaboraí nos últimos meses, que foi muito maior do que a média histórica. Assim, os recursos previstos em contrato para cobrir os gastos com as paralisações durante as chuvas se esgotaram. A ação rápida da Petrobras não é um reconhecimento de “problemas sérios” na obra ou tentativa de “vilanizar” o TCU, teses que o jornal atribui a “gabinetes” e “bastidores” do Tribunal. Ao garantir a retomada das obras (por meio de acordo com o consórcio responsável pela terraplanagem) e trabalhar para evitar novas interrupções, a Petrobras tem como objetivo viabilizar um empreendimento que vai gerar uma eco nomia para o País de mais de US$ 2 bilhões por ano em divisas, por meio da redução da importação de derivados e de produtos petroquímicos, além da geração de 200 mil empregos diretos e indiretos durante os cinco anos da obra e após sua entrada em operação.

Deixe seu comentário

Prezado leitor,

Lembramos que não serão aceitos comentários que tenham conteúdo ou termos ofensivos, nem que sejam desassociados do tema do post. Dúvidas sobre temas diversos devem ser encaminhadas ao Fale Conosco do site.

 caracteres restantes