Visita do Presidente do México e outros destaques

16 de agosto de 2009 / 13:33 Informes Enviar por e-mail Enviar por e-mail Imprimir

A+ A-

embedded by Embedded Video

Download Video

O presidente da República do México, Felipe Calderón, visitou nesse domingo (16/8) o Centro de Pesquisas e Desenvolvimento da Petrobras (Cenpes), em companhia do presidente da empresa, José Sergio Gabrielli de Azevedo. O chefe de estado mexicano assistiu a apresentação sobre tecnologias na área de exploração e produção em águas profundas e no pré-sal, e visitou plantas-piloto no Centro de Pesquisas. A visita ao Cenpes foi um dos compromissos do presidente mexicano no Rio de Janeiro. Calderón chegou na última sexta-feira para uma visita oficial de três dias ao Brasil.

“Estamos em busca de um acordo para ampliar a capacidade produtiva de petróleo do México, um convênio que seja benéfico para ambas as partes”. Com estas palavras, o presidente Calderón encerrou sua visita. Após assistir as apresentações, o chefe de estado mexicano afirmou seu interesse em encontrar junto à Petrobras e ao governo brasileiro mecanismos de cooperação. “A Petrobras deverá duplicar sua capacidade produtiva. Acredito que a realização de um intercâmbio será muito importante neste sentido. Temos muito o que aprender com a experiência brasileira”, disse.

Presente ao evento, o gerente geral da Petrobras no México, Milton Costa Filho, informou que a Companhia já está produzindo gás naquele país, em parceria com uma empresa mexicana e uma japonesa. O objetivo inicial foi estudar o mercado mexicano, porém os resultados foram ainda mais significativos e hoje a Petrobras construiu um bom relacionamento com a Pemex, estatal mexicana. “Desenvolvemos um acordo tecnológico com eles bastante interessante. É um processo de ajuda mútua. A idéia agora é ampliar este convênio, estendendo-o a outras áreas, como petroquímica, biocombustíveis, refino e gestão de indústria”, explicou o gerente.

Foco nos Objetivos do Milênio

Na última quinta-feira (13/8) foi lançada a terceira edição do Prêmio Objetivos do Milênio (ODM) Brasil. A Petrobras é parceira da iniciativa que valoriza as empresas e organizações da sociedade civil que contribuam efetivamente para o cumprimento dos ODM. O gerente executivo de Comunicação Institucional da Petrobras Wilson Santarosa participou do lançamento: “A Petrobras tem que fazer muito mais que produzir petróleo, gasolina e derivados. Alinhada ao seu negócio, ela tem que auxiliar o desenvolvimento do povo brasileiro”, completa ele.

Futuro com biocombustíveis

A Petrobras também marcou presença na abertura da Conferência “A educação ambiental e o futuro do mercado de biocombustíveis no Brasil”. O presidente da Petrobras Biocombustível, Miguel Rossetto afirmou que o país está mais preparado do que outras nações para responder aos desafios do setor de energia no século XXI. Para ele, o mais importante para o país é preservar e aumentar esta posição de vanguarda no cenário mundial.

Sustentabilidade Financeira

Também esta semana, a Petrobras recebeu em São Paulo o prêmio de melhor empresa do segmento de “Óleo e Gás” e o destaque de 2008 em “Sustentabilidade Financeira”, durante a premiação “As Melhores da Dinheiro”, promovida pela Editora Três e revista IstoÉ Dinheiro O representante da Petrobras, Paulo Ribeiro Daltro-Santos, da área de Governança Corporativa, recebeu o troféu das mãos do ministro da Fazenda, Guido Mantega. Daltro-Santos reafirmou a importância da Petrobras para o país e como a Companhia tem trabalhado para se manter como referência mundial no setor de energia.

Deixe seu comentário

Prezado leitor,

Lembramos que não serão aceitos comentários que tenham conteúdo ou termos ofensivos, nem que sejam desassociados do tema do post. Dúvidas sobre temas diversos devem ser encaminhadas ao Fale Conosco do site.

 caracteres restantes