"Foi o que fiz com a Petrobras", diz FHC

20 de setembro de 2009 / 13:10 Esclarecimentos Enviar por e-mail Enviar por e-mail Imprimir

A+ A-

Matérias publicadas nas edições deste sábado 19/9 nos jornais O Estado de S.Paulo e O Globo destacam, respectivamente: “Lula repete no BB o que fizemos na Petrobras” e FH sobre Banco do Brasil: ‘Foi o que fiz com a Petrobras’.

Conforme publicado no Relatório Anual de 2000, a partir de 10 de agosto daquele ano, a Petrobras passou a ter “American Depositary Shares” representativas de ações ordinárias negociadas na Bolsa de Valores de Nova York, após registro na “Securities and Exchange Commission” – SEC (EUA).

Na mesma data, através do BNDES, foi realizada a venda de 179.639.300 ações ordinárias de emissão da Petrobras, de propriedade da União Federal, sendo 108.345.748 ações, basicamente, no mercado norte-americano.

Com a conclusão da operação de venda dessas ações ordinárias, a União Federal reduziu a sua participação acionária para 32,53% do capital social (total) e 55,71% do capital votante. Essa operação não representou o ingresso de recursos para a Petrobras, mas proporcionou na época o aumento na sua base acionária em 22.707 novos acionistas, incluindo fundos de investimentos que reúnem 337.314 investidores no Brasil e 10 mil no exterior. As atuais propostas visam a capitalização das empresas.

Veja abaixo como mudou a composição acionária da Petrobras, segundo  a origem do capital, a partir da Evolução do Capital Social 1992-2008.

capital social origem

Deixe seu comentário

Prezado leitor,

Lembramos que não serão aceitos comentários que tenham conteúdo ou termos ofensivos, nem que sejam desassociados do tema do post. Dúvidas sobre temas diversos devem ser encaminhadas ao Fale Conosco do site.

 caracteres restantes