Pesquisa com girassol no semiárido

27 de janeiro de 2010 / 18:29 Informes Enviar por e-mail Enviar por e-mail Imprimir

A+ A-

girassol

A Petrobras e a Embrapa são parceiras em um projeto para desenvolver e transferir tecnologias sobre a cultura do girassol no semiárido brasileiro voltado para a produção de biodiesel. Atualmente, em fase final de estruturação, a iniciativa é um desdobramento do Termo de Cooperação assinado entre as duas empresas com foco em desenvolvimento de matérias-primas para biocombustíveis.

O objetivo é difundir os conhecimentos acumulados sobre a cultura do girassol, selecionar variedades mais produtivas no semiárido e adaptadas para cada região e desenvolver tecnologias associadas como a melhor época de cultivo, espaçamento e consórcio com culturas alimentícias, entre outras.

Além do convênio com a Embrapa, a Petrobras também estrutura projetos de pesquisa junto a institutos estaduais e universidades, com o objetivo de estimular não só o cultivo de girassol como também o da mamona e do pinhão manso no semiárido.

O projeto é denominado “Rede de pesquisa e desenvolvimento tecnológico para produção de girassol, mamona e pinhão manso no semiárido” e conta com a parceria de várias universidades.

Deixe seu comentário

Prezado leitor,

Lembramos que não serão aceitos comentários que tenham conteúdo ou termos ofensivos, nem que sejam desassociados do tema do post. Dúvidas sobre temas diversos devem ser encaminhadas ao Fale Conosco do site.

 caracteres restantes