Descoberta de petróleo em águas rasas na Bacia de Campos

11 de fevereiro de 2010 / 15:44 Informes Enviar por e-mail Enviar por e-mail Imprimir

A+ A-

A Petrobras concluiu a perfuração do poço exploratório 4-PM-53 em águas rasas (200 metros) no pós-sal da Bacia de Campos. O poço permitiu a descoberta de uma nova área produtora, adjacente ao Campo de Pampo, a seis quilômetros da PPM-1 (Plataforma de Pampo).

O volume recuperável é estimado em 25 milhões de barris de petróleo de 20 graus API. Devido às ótimas características de porosidade e permeabilidade e à espessura do reservatório, estima-se que a vazão de óleo do poço será de cerca de três mil barris por dia. Esta descoberta abre uma importante frente exploratória a leste das concessões de Pampo e Bicudo.

Como no local já existe infraestrutura de produção instalada, o poço irá iniciar a produção ainda este ano. Estuda-se a sua interligação com a plataforma PPM-1 ou com a plataforma P-7, produtora no campo de Bicudo.

A descoberta é resultado da estratégia exploratória de intensificar os trabalhos em áreas próximas a campos em produção e visa aproveitar a capacidade das instalações existentes, diminuir os custos de produção e agilizar a produção de novos volumes de petróleo. A Companhia pretende perfurar novos poços na região.

Deixe seu comentário

Prezado leitor,

Lembramos que não serão aceitos comentários que tenham conteúdo ou termos ofensivos, nem que sejam desassociados do tema do post. Dúvidas sobre temas diversos devem ser encaminhadas ao Fale Conosco do site.

 caracteres restantes