Leilão de gás previsto para março

26 de fevereiro de 2010 / 09:04 Informes Enviar por e-mail Enviar por e-mail Imprimir

A+ A-

A Petrobras dá continuidade ao desenvolvimento do mercado secundário de gás natural, iniciado em 2009, e realiza no próximo dia 16 de março, mais um leilão com prazo de seis meses ofertando aos consumidores 22 MM m³/dia para entrega a partir de 1o de abril. Além disso, a empresa inicia uma nova modalidade de vendas de gás natural no mercado secundário durante os próximos seis meses, oferecendo a possibilidade de compras semanais do gás natural não utilizado pelas termelétricas, a preços ainda menores.

Os dois produtos – leilão e venda semanal, que serão comercializados em plataforma eletrônica – fazem parte da estratégia da Petrobras de ampliar as vendas criando meios para que o gás natural do mercado secundário chegue ao consumidor final com preços mais baixos. Acertada a compra, o compromisso é de entrega firme do produto.

A experiência na realização de nove leilões de curto prazo, entre abril e setembro de 2009, demonstrou ser esse um mecanismo eficiente para comercialização de excedentes de gás a preços competitivos formados pelas próprias distribuidoras. O deságio médio foi de 35% e atingiu 41% em janeiro de 2010. Mesmo assim, o volume efetivamente consumido foi inferior ao ofertado nestes leilões.

 A diretora de Gás e Energia da Petrobras, Graça Foster, destacou que o início da entrega do gás coincidirá com o período de maior demanda para geração de energia . “O gás será entregue a partir de 1º de abril, quando começa o período seco”, lembrou.

Em reunião com agentes do mercado de gás natural na manhã de hoje (25/02) a Petrobras apresentou o funcionamento dos dois produtos e salientou a razão de ser de ambos: fazer com que a redução de preço chegue à porta de quem efetivamente usa o gás natural, o consumidor final.

Para a versão 2010 do leilão de seis meses, a novidade é o estabelecimento de uma redução progressiva do preço em relação às médias do que vem sendo retirado nos leilões anteriores, conforme as vendas aumentem.

Na venda semanal, a cada pedido, as distribuidoras podem solicitar volumes de gás natural por período de até quatro semanas. A solicitação, eletrônica, pode ser feita de segunda a quinta-feira. Na sexta-feira a Petrobras confirma as transações aceitas tendo em vista o custo do suprimento de gás em função da demanda termelétrica da próxima semana. Os resultados – volumes e preços – serão divulgados semanalmente.

A diretora frisou que é importante que o consumidor tenha conhecimento da possibilidade de redução dos preços. “No leilão cada distribuidora vai fechar o seu volume e o seu preço. Semanalmente, pode negociar volume adicional a um preço menor. O fundamental é que o consumidor sinta que isso existe e cobre da distribuidora”, destacou.

O mercado secundário de gás natural, em desenvolvimento no Brasil por meio dos leilões e, agora, da venda semanal, é típico dos países que já atingiram a maturidade na indústria do gás natural, seja pela infraestrutura disponível, seja pelo grau de desenvolvimento do seu mercado.

A criação do mercado secundário de gás natural no Brasil foi possível devido aos investimentos realizados pela Petrobras para ampliar a produção nacional de gás natural, diversificar a importação (Terminais de Regaseificação de Pecém e Baía de Guanabara) e ampliar a infraestrutura de transporte (gasodutos, estações e sistemas de compressão, city gates) – o que aumenta a flexibilidade no fornecimento aos segmentos termelétrico e não termelétrico.

O edital do leilão, que estará disponível no site da Petrobras a partir de hoje, estabelece que as vendas serão feitas em submercados definidos a partir das características logísticas de cada região, tendo como novidade a interligação das regiões Sudeste e Nordeste por meio do GASENE, gasoduto da integração, que entra em operação em março.

Deixe seu comentário

Prezado leitor,

Lembramos que não serão aceitos comentários que tenham conteúdo ou termos ofensivos, nem que sejam desassociados do tema do post. Dúvidas sobre temas diversos devem ser encaminhadas ao Fale Conosco do site.

 caracteres restantes