Cidadão Capaz promove inclusão social

29 de agosto de 2010 / 10:17 Meio Ambiente e Sociedade Enviar por e-mail Enviar por e-mail Imprimir

A+ A-

Reconhecido por prêmios, como o FGV-EAESP Responsabilidade Social no Varejo, o projeto Cidadão Capaz, da Petrobras Distribuidora, vem promovendo a adaptação de postos de abastecimento para que pessoas com deficiência possam ser empregadas na rede. O objetivo é estimular a inclusão social desses trabalhadores, reconhecendo sua competência profissional.

Iniciada em 2002, a iniciativa, integrada ao Programa Desenvolvimento & Cidadania Petrobras, conta atualmente com 15 postos adaptados, onde atuam cerca de 38 trabalhadores com deficiência. As condições de acessibilidade permitem que eles operem nos serviços de pista (abastecimento, calibragem e lavagem) e na área administrativa (loja de conveniência BR Mania).

Dos quinze postos que fazem parte do projeto Cidadão Capaz, seis ficam em São Paulo (em Sorocaba, Franca, Valinhos, Santos, Bauru e Marília) e três no Rio Grande do Sul (Porto Alegre, Caxias do Sul e Pelotas). Os demais operam no Rio de Janeiro (RJ), Vitória (ES), Belém (PA), Maringá (PR) e no Distrito Federal. No dia 5 de agosto foi inaugurada a primeira unidade do projeto no estado de Santa Catarina, em Joinville.

Adequações

A inclusão do trabalhador no espaço de trabalho exige a adequação de cada área do posto às potencialidades individuais, segundo padrões estabelecidos com base na NBR-9050/2004 (Acessibilidade de pessoas portadoras de deficiências a edificações, espaços, mobiliários e equipamentos urbanos e demais literaturas sobre o assunto).

O trabalho de adaptação foi providenciado por meio de consultorias que trabalham com a inserção destes cidadãos no mercado de trabalho. Com o objetivo de garantir qualidade e segurança para que as pessoas com deficiência pudessem desenvolver suas tarefas adequadamente, os postos foram acrescidos de faixas sinalizadoras nas pistas, rampas com corrimão, circulações mais amplas, adaptação de sanitários e vestiários, entre outras modificações.

Deixe seu comentário

Prezado leitor,

Lembramos que não serão aceitos comentários que tenham conteúdo ou termos ofensivos, nem que sejam desassociados do tema do post. Dúvidas sobre temas diversos devem ser encaminhadas ao Fale Conosco do site.

 caracteres restantes