R$ 265 milhões em esporte e cidadania até 2014

18 de outubro de 2010 / 17:31 Reportagens Enviar por e-mail Enviar por e-mail Imprimir

A+ A-

A Petrobras lançou nesta segunda-feira (18/10), em São Paulo, o Programa Petrobras Esporte & Cidadania, a mais abrangente iniciativa de apoio ao esporte do país. O  programa vai destinar, até 2014, aproximadamente R$ 265 milhões, por meio de investimento direto e da Lei Federal de Incentivo ao Esporte, a quatro diferentes segmentos: Esporte de Rendimento – boxe, esgrima, remo, taekwondo e levantamento de peso –, Esporte Educacional, Esporte de Participação e Memória do Esporte – com a participação de crianças, adolescentes, atletas e outros profissionais relacionados ao mundo do esporte.

No Esporte de Rendimento o principal objetivo é contribuir para o desenvolvimento do esporte nacional, por meio do apoio a cinco modalidades olímpicas: boxe, esgrima, remo, taekwondo e levantamento de peso. Dentre as principais ações estão o apoio direto aos atletas, por meio de bolsa-auxílio, intercâmbio internacional (competições), equipamentos e tecnologia, além da criação de equipe técnica esportiva e multidisciplinar. Uma das metas do programa é estabelecer um planejamento plurianual com vistas à Olimpíada Rio 2016.

O investimento em esporte educacional tem como objetivo central contribuir para a universalização do acesso ao esporte educacional como estratégia de inclusão social, construção da cidadania e efetivação dos direitos. Para isso, duas ações estratégicas serão implementadas: a criação de Centros Petrobras de Referência Esportiva e o investimento em projetos esportivos educacionais.

O lançamento do Petrobras Esporte & Cidadania consolida a posição da Petrobras como a maior incentivadora do esporte brasileiro, contribuindo para a formação de novas gerações de brasileiros que valorizem atributos como disciplina, ética e superação de desafios. E, principalmente, para transformar o esporte numa ferramenta para promover a inserção social de norte a sul do país.

Esporte de rendimento

Com foco principal na participação brasileira nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016, o segmento de Esporte de Rendimento do Petrobras Esporte & Cidadania investirá na formação de atletas de alto nível, contribuindo para o desenvolvimento do esporte olímpico brasileiro.

Por meio da Lei de Incentivo ao Esporte, a Petrobras investirá nas modalidades que historicamente recebem menor apoio e que, ao mesmo tempo, disputam um grande número de medalhas: boxe, esgrima, remo, taekwondo e levantamento de peso. Ao todo serão beneficiados 110 atletas, que contarão com toda a infra-estrutura necessária para treinamentos durante o ciclo olímpico, com a possibilidade de disputar competições nacionais e internacionais até 2012. Outros 86 profissionais – comissão técnica e multidisciplinar – também serão beneficiados.

O programa inclui ainda o apoio aos atletas de base que fazem parte do ranking de cada modalidade, visando à formação e revelação de novos valores com possibilidade de disputar as Olimpíadas do Rio em 2016.

De início, no boxe, o programa prevê o apoio a 26 atletas, que disputarão 26 competições internacionais e 9 nacionais. Na esgrima, serão 16 atletas, 18 competições internacionais e 10 nacionais. No remo, 24 atletas serão beneficiados e disputarão 10 torneios internacionais e 4 nacionais. No taekwondo, serão 24 atletas, que terão a oportunidade de disputar 10 competições internacionais e 5 nacionais. No levantamento de peso, 20 atletas disputarão 7 eventos internacionais e 7 nacionais.

A elaboração do Programa Esporte & Cidadania contou com a colaboração das cinco confederações participantes, o que tornou possível atender as principais necessidades de cada modalidade, especialmente em relação aos atletas. Por meio do programa, estes contarão, além de comissão técnica profissional, com uma equipe multidisciplinar de apoio, integrada por ortopedista, fisiologista, nutricionista, fisioterapeuta e psicólogo. Os atletas terão ainda bolsa-auxílio, assistência médica e odontológica, seguro de vida e de acidentes, vale-transporte e vale-alimentação.

Esporte Educacional

No segmento de Esporte Educacional do Petrobras Esporte & Cidadania, o programa investirá em iniciativas que visam contribuir para a inclusão social por meio do esporte. A partir de parcerias com o poder público e a sociedade civil, os recursos serão destinados às seguintes linhas de atuação: (1) atendimento direto a crianças e adolescentes através do desenvolvimento de atividades esportivas educacionais; (2) fortalecimento das redes de esporte educacional; (3) incentivo a tecnologias sociais para o esporte.

Para atingir esses objetivos, o programa se baseará em duas ações estratégias centrais: a implantação de Centros Petrobras de Referência Esportiva e o investimento em projetos esportivos educacionais.

Os Centros Petrobras de Referência Esportiva serão espaços populares para o desenvolvimento de atividades esportivas educacionais, integradas ao sistema de garantia de direitos de crianças e adolescentes, bem como de formação e disseminação de metodologias de esporte educacional na rede pública local e regional. Os Centros seguirão as três linhas de atuação do programa, com foco na ação comunitária, na acessibilidade, na diversidade e na ação integrada com as políticas públicas.

O cronograma do programa prevê a implantação dos Centros em todas as regiões do país até 2012 e o lançamento da Seleção Pública, em 2011, para selecionar projetos esportivos educacionais alinhados aos princípios de inclusão, construção coletiva, educação integral, diversidade e autonomia.

Esporte de Participação

O segmento de Esporte de Participação inclui iniciativas desportivas realizadas em todo o país, que têm como objetivo principal a interação social entre seus praticantes e a promoção de bem-estar, saúde e qualidade de vida.

Para isso, a Petrobras dará continuidade às ações que já desenvolve nas regiões onde atua, como corridas, regatas, desafios ciclísticos e festivais. A proposta é mobilizar a opinião pública, aumentar a visibilidade e qualificar as informações disponíveis sobre a prática desportiva.

Memória do Esporte

A Petrobras acredita que a cultura esportiva seja patrimônio de uma nação. Mais do que um registro, sua preservação é um ato de cidadania. Em 2016, o Brasil vai receber a maior festa do esporte mundial, mas muitos de nossos atletas são heróis quase anônimos. Por isso, além de sua já tradicional e conhecida atuação pela cultura brasileira, com o Programa Petrobras Cultural, a Petrobras lança uma nova ação cultural: o projeto Memória do Esporte Brasileiro, um dos segmentos do Programa Petrobras Esporte & Cidadania.

Em parceria com a ESPN Brasil, a Petrobras irá incentivar a produção e a exibição de documentários sobre o tema. O objetivo é resgatar a memória dessas grandes conquistas do esporte, difundir e divulgar diferentes modalidades esportivas, além de contribuir para o desenvolvimento de um acervo audiovisual sobre o tema.

Deixe seu comentário

Prezado leitor,

Lembramos que não serão aceitos comentários que tenham conteúdo ou termos ofensivos, nem que sejam desassociados do tema do post. Dúvidas sobre temas diversos devem ser encaminhadas ao Fale Conosco do site.

 caracteres restantes