Petrobras entre as mais admiradas no Brasil

20 de outubro de 2010 / 13:27 Reconhecimento Enviar por e-mail Enviar por e-mail Imprimir

A+ A-

A revista Carta Capital promoveu na noite de segunda-feira (18/10), em São Paulo, a cerimônia de entrega do prêmio “As Empresas Mais Admiradas no Brasil”. O presidente da Petrobras, José Sergio Gabrielli de Azevedo, recebeu os prêmios conquistados pela Companhia nas categorias “Agronegócios”, em que ficou com a 2ª posição, e “Dez Empresas Mais Admiradas no Brasil”, com o quarto lugar no ranking. Já o presidente da Petrobras Distribuidora, José Lima de Andrade Neto, recebeu o prêmio da categoria “Distribuidores de Combustíveis ou Derivados de Petróleo”.

O evento contou com as participações do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, dos ministros Guido Mantega (Fazenda), Miguel Jorge (Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior) e Carlos Garbas (Previdência Social), além de representantes do empresariado brasileiro.

A 13ª edição da pesquisa “As Empresas Mais Admiradas no Brasil” tem o objetivo de premiar e destacar as empresas que constroem a respeitabilidade corporativa e, ao mesmo tempo, contribuem para a disseminação da ética empresarial e o desenvolvimento socioeconômico do país. O trabalho de campo foi realizado entre junho e agosto deste ano, com a avaliação de 48 segmentos e tabulação de mais de 1.100 entrevistas, com a consultoria de Paulo Secches, da Opphicina Sophia.

Os fatores-chave considerados foram ética, qualidade de produtos e serviços, inovação, respeito pelo consumidor, qualidade de gestão, solidez financeira, notoriedade, desenvolvimento sustentável, responsabilidade social, capacidade de competir globalmente e compromisso com o RH e com o país. Esta edição contou com algumas mudanças de metodologia. O levantamento sobre “as admiradas” foi feito não apenas junto aos pares do setor, mas com todos seus stakeholders. Também houve a organização dos segmentos de negócio em macro setores, de forma a reunir os ramos por afinidade de serviços prestados.

Deixe seu comentário

Prezado leitor,

Lembramos que não serão aceitos comentários que tenham conteúdo ou termos ofensivos, nem que sejam desassociados do tema do post. Dúvidas sobre temas diversos devem ser encaminhadas ao Fale Conosco do site.

 caracteres restantes