Petrobras entre as preferidas do público

10 de dezembro de 2010 / 08:22 Reconhecimento Enviar por e-mail Enviar por e-mail Imprimir

A+ A-

A Petrobras é segunda empresa de maior prestígio no Brasil e a mais lembrada pelos consumidores no setor Química e Petroquímica, segundo o anuário Época Negócios 100, promovido pela revista da editora Globo.

Já em sua terceira edição, o anuário se baseia em um levantamento feito pelo Grupo Troiano de Branding com cerca de 15 mil consumidores. Eles avaliaram 237 marcas corporativas, de 30 setores produtivos diferentes, elencando as 100 maiores segundo os critérios admiração, confiança, qualidade dos produtos ou serviços prestados, história da marca, postura inovadora e sustentabilidade. As empresas líderes em cada um dos setores produtivos, além das 10 mais bem colocadas no ranking geral, foram homenageadas em solenidade na noite da última quinta-feira (9/12) no Museu Brasileiro da Escultura, em São Paulo.

Eduardo Felberg, gerente de imagem corporativa e marcas, e José Luiz Marcusso, gerente geral da unidade de operações de exploração e produção da Bacia de Santos, representaram a Petrobras na entrega dos prêmios. Marcusso recebeu o troféu pela categoria Química e Petroquímica e Felberg agradeceu o segundo lugar no ranking geral.

“Este ano foi muito especial e agora ele culmina com este prêmio. É o reconhecimento do caminho acertado que a empresa vem trilhando e do esforço de comunicação e marketing que temos feito. Essas questões continuam a reforçar cada vez mais a reputação da marca Petrobras. Estamos muito orgulhosos, pois a missão da companhia é ser uma das empresas preferidas do seu público”, diz Felberg.

Marcusso concorda. “Este prêmio traduz muito bem o que é a Petrobras depois de 57 anos de existência. Somos uma empresa de energia integrada, com atuação destacada em todos os seus segmentos, do poço ao plástico”. Marcusso destaca ainda o papel preponderante da Bacia de Santos no futuro energético do Brasil. “Produzimos hoje cerca de 2 milhões de barris por dia, dentre os quais 1 milhão e 600 mil saem da Bacia de Santos. Em 2020, quando a produção brasileira será o dobro da atual, a Bacia de Santos será a maior produtora do país”.

Além da Petrobras, as cinco empresas melhor colocadas são Nestlé, Natura, Johnson&Johnson e Volkswagen.

Deixe seu comentário

Prezado leitor,

Lembramos que não serão aceitos comentários que tenham conteúdo ou termos ofensivos, nem que sejam desassociados do tema do post. Dúvidas sobre temas diversos devem ser encaminhadas ao Fale Conosco do site.

 caracteres restantes