Petrobras adquire 50% de usina de biodiesel no Rio Grande do Sul

1 de julho de 2011 / 19:54 Informes Enviar por e-mail Enviar por e-mail Imprimir

A+ A-

A Petrobras adquiriu, através de sua subsidiária integral Petrobras Biocombustível S.A., 50% do capital social da empresa BSBIOS Indústria e Comércio de Biodiesel Sul Brasil S.A.

A empresa, localizada em Passo Fundo (RS), opera uma planta industrial integrada com unidade de extração de óleos vegetais e produção de 160 milhões de litros/ano de biodiesel. Possui privilegiada posição logística tanto na questão de suprimento de grãos quanto de comercialização de biodiesel, encontrando-se ao lado de uma base de distribuição de combustíveis e de um terminal ferroviário para recepção de grãos e expedição de produtos.

Esta aquisição consolida a liderança da Petrobras no setor de biocombustíveis em âmbito nacional. Representa ainda uma ampliação da parceria já existente entre as empresas na Usina de Biodiesel de Marialva (PR), que associada à parceria firmada na Usina de Biodiesel de Passo Fundo (RS) resulta em uma nova sociedade robusta e competitiva na região Sul do país, apropriando-se de importantes sinergias comerciais e operacionais.

A transação envolve recursos da ordem de R$ 200 milhões, que estão sujeitos a ajustes em função de realização de processo de due diligence.

Anúncio – A Petrobras Biocombustível e a BSBIOS Indústria e Comércio de Biodiesel Sul Brasil anunciaram nesta segunda-feira (04/07), no Palácio Piratini, em Porto Alegre (RS), a constituição de sociedade, com participação paritária, para atuar na produção de biocombustíveis no Sul do Brasil.

Com a nova sociedade, as empresas compartilharão a operação de um complexo industrial com capacidade produtiva total de 300 milhões de litros/ano de biodiesel. A parceria ampliará as possibilidades de investimentos na produção de biodiesel e etanol na Região Sul.

Para o presidente da Petrobras Biocombustível, Miguel Rossetto, a atuação na região é estratégica pela grande produção de oleaginosas, com presença significativa da agricultura familiar, e por permitir uma logística mais eficiente no atendimento aos mercados do Sul e Sudeste do país. “Nossa presença na região faz parte de uma estratégia de nacionalização da produção”, comentou Rossetto sobre o parque de produção de biodiesel da empresa que passa a contar com capacidade total de 710 milhões de litros de biodiesel/ano. O empreendimento, em operação desde 2007, gera 289 postos de trabalho diretos e mais de 800 indiretos.

Cerca de dez mil agricultores familiares, produtores de soja e canola nos estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, fornecem matéria-prima para a produção de biodiesel na unidade de Passo Fundo.

Deixe seu comentário

Prezado leitor,

Lembramos que não serão aceitos comentários que tenham conteúdo ou termos ofensivos, nem que sejam desassociados do tema do post. Dúvidas sobre temas diversos devem ser encaminhadas ao Fale Conosco do site.

 caracteres restantes