Programa Petrobras Jovem Aprendiz lança 3ª edição

7 de janeiro de 2013 / 15:10 Informes Enviar por e-mail Enviar por e-mail Imprimir

A+ A-

Estão abertas as inscrições para o processo seletivo da terceira edição – 2013/2015 do Programa Petrobras Jovem Aprendiz (PPJA). Serão disponibilizadas 658 vagas distribuídas em dez municípios, são eles: Campos dos Goytacazes, Carapebus, Casimiro de Abreu (distrito de Barra de São João), Conceição de Macabu, Macaé, Quissamã, Rio das Ostras, São Fidélis, São Francisco de Itabapoana e São João da Barra.

Os interessados devem ter entre 16 e 20 anos completos no ato da inscrição e estarem matriculados na última série do Ensino Fundamental regular ou na 1ª, 2ª ou 3ª série do Ensino Médio Regular ou, ainda, na modalidade de Educação de Jovens e Adultos (EJA) Presencial da rede pública de ensino. Serão aceitos também candidatos que tenham concluído o ensino médio regular ou na modalidade EJA presencial.

Também é necessário que os candidatos pertençam a famílias com renda mensal de até um salário mínimo, residam nos municípios contemplados pelo PPJA e que não tenham participado, anteriormente, de nenhum outro programa de aprendizagem.

As inscrições serão realizadas somente pela internet, no site www.vivario.org.br, até 23h59 do dia 12 de janeiro de 2013. Após realizar o cadastramento, o candidato deverá ler atentamente o Comunicado de Seleção e clicar em “LI E ESTOU DE ACORDO”, para prosseguir com o preenchimento do formulário de inscrição. Concluído o preenchimento do formulário, o candidato deverá imprimir para apresentá-lo com os documentos obrigatórios da inscrição.

O candidato classificado para prosseguir na seleção deverá entregar a seguinte documentação: ficha de inscrição devidamente preenchida e impressa pelo candidato; cópia da carteira de identidade, do Cadastro de Pessoa Física (CPF) e do Certificado de Reservista, quando do sexo masculino e maior de 18 anos, documentação da unidade escolar e comprovante de residência atualizado (cópia de conta de água ou luz ou telefone, ou contrato de locação).

Em caso de jovens que estejam cumprindo medida sócio-educativa em regime meio aberto, deverá ser apresentada declaração dos Centros de Recursos Integrados de Atendimento ao Adolescente (CRIAAD) ou da Secretaria de Promoção Social do município em que residir informando aptidão para participar do Programa Petrobras Jovem Aprendiz.

Todos os documentos deverão ser entregues em envelope lacrado identificado com o nome do candidato, município e bairro em que reside. O título Programa Petrobras Jovem Aprendiz deverá estar escrito no envelope que será entregue nos seguintes endereços:

- Para os candidatos de Campos dos Goytacazes (incluindo Farol de São Tomé), São Fidélis, São Francisco de Itabapoana e São João da Barra: IFF Campos (Campus Centro) – Rua Dr. Siqueira, 273 – Parque Dom Bosco, Campos;

- Para os candidatos de Macaé, Carapebus e Conceição de Macabu: Viva Rio – Avenida Santos Moreira, 765 B – Miramar, Macaé;

- Para os candidatos de Rio das Ostras e Barra de São João: Secretaria de Educação de Casimiro de Abreu – Avenida Marcílio Dias, 1053 – Centro, Barra de São João.

Programa Petrobras Jovem Aprendiz

Criado em atendimento à Lei 10.097/2000, de Responsabilidade Fiscal, o Programa Petrobras Jovem Aprendiz atenderá, em sua terceira edição, 658 jovens dos municípios de Campos dos Goytacazes (incluindo Farol de São Tomé), Carapebus, Casimiro de Abreu (distrito de Barra de São João), Conceição de Macabu, Macaé, Quissamã, Rio das Ostras, São Fidélis, São Francisco de Itabapoana e São João da Barra.

O programa terá duração de 24 meses, com jornada diária de quatro horas e carga horária semanal de 20 horas. Os primeiros quatro meses são destinados à Formação Humanista, desenvolvida nas unidades regionais da Viva Rio. Os próximos nove meses, aproximadamente, serão dedicados à Qualificação Técnica profissional, com realização de cursos de aprendizagem pelas Unidades Operacionais do Senai Campos e Macaé. A terceira fase, com duração de onze meses, será dedicada ao período vivencial em situações reais de trabalho realizado nas empresas que tenham parceria com a Petrobras.

Deixe seu comentário

Prezado leitor,

Lembramos que não serão aceitos comentários que tenham conteúdo ou termos ofensivos, nem que sejam desassociados do tema do post. Dúvidas sobre temas diversos devem ser encaminhadas ao Fale Conosco do site.

 caracteres restantes