Destaques Internacionais

Licitação para 28 plataformas de perfuração e planos para nova fábrica de fertilizantes

 

O Wall Street Journal, a BNamericas, a EFE e a Upstream têm matérias informando que a Petrobras publicará detalhes da licitação para as 28 plataformas de perfuração para águas profundas e ultraprofundas na próxima semana, de acordo com declaração de Guilherme Estrella, diretor de Exploração e Produção da empresa. Segundo ele, oito plataformas serão contratadas para a propriedade e uso da própria Petrobras, enquanto as outras 20 serão fretadas para outras empresas. O site coreano Chosun Ilbo também publicou matéria sobre o assunto, dizendo que a Petrobras tem planos de encomendar 28 navios-sonda no valor de US$ 20 bilhões para a exploração em águas profundas.

Petrobras publicará detalhes da licitação para 28 plataformas na próxima semana

http://online.wsj.com/article/BT-CO-20091007-709620.html                      

Petrobras abrirá propostas para 28 plataformas na próxima semana

http://www.bnamericas.com/news/oilandgas/Petrobras_to_launch_bid_for_28_rigs_next_week

Petrobras anuncia licitação para construir 28 plataformas marítimas no Brasil

http://www.google.com/hostednews/epa/article/ALeqM5iKRCU6R1n4tH2eQBfMm3M1YbzABA

Petrobras deve revelar detalhes da licitação de plataformas

http://www.upstreamonline.com/live/article195183.ece

Estaleiros coreanos interessados em transação brasileira de US$20 bilhões

http://english.chosun.com/site/data/html_dir/2009/10/08/2009100800644.html

O Wall Street Journal tem matéria sobre a intenção da Petrobras de expandir a produção de fertilizante. Segundo a matéria, o presidente da empresa, José Sergio Gabrielli, teria dito que tem planos de construir a terceira usina de fertilizantes nitrogenados.

Petrobras deve expandir produção de fertilizante

http://online.wsj.com/article/BT-CO-20091007-710963.html

A realização da XXIV Conferência Mundial do Gás em Buenos Aires levou a mídia internacional a dedicar grande espaço à cobertura de assuntos relacionados ao mercado de gás no Brasil e na América Latina. O Wall Street Journal publicou matéria dizendo que, de acordo com a diretora de Gás e Energia da Petrobras, Maria das Graças Foster, a empresa dará prioridade ao mercado interno. O jornal informa que quando questionada sobre o término do contrato com a Bolívia, Foster teria respondido que a Petrobras tem interesse em uma extensão e complementa que haveria importação da Bolívia até 2050. O canal venezuelano Telesur também publicou a matéria em seu site. A matéria da BNamericas destaca a possibilidade de o Brasil exportar gás, enquanto que a reportagem da Bloomberg dá ênfase à liquefação do gás para transportá-lo dos campos do pré-sal para a costa.

Petrobras: priorizará gás natural para o Mercado interno

http://online.wsj.com/article/BT-CO-20091007-706424.html

http://www.telesurtv.net/noticias/secciones/nota/59115-NN/brasil-distribuira-el-gas-en-el-mercado-interno/

Petrobras interessada no potencial de exportação do gás natural, diz executivo

http://www.bnamericas.com/news/oilandgas/Petrobras_looking_at_natural_gas_export_potential,_says_executive

Petrobras espera que gás do pré-sal seja vendido liquefeito

http://www.bloomberg.com/apps/news?pid=newsarchive&sid=a50x80cBONYM

A BNamericas afirma, em nota, que o Brasil pretende continuar importando gás natural da Bolívia mesmo depois de 2020, quando acaba o atual contrato entre os dois países. A Reuters e a EFE, em espanhol e português, também têm matéria sobre o assunto.

Petrobras não vê fim da importação de gás natural da Bolívia

http://www.bnamericas.com/news/oilandgas/Petrobras_sees_no_end_to_Bolivian_natural_gas_imports_-_executive

Petrobras não vai parar de importar gás da Bolívia

http://in.reuters.com/article/oilRpt/idINN0747638620091007

Brasil manterá compras de gás boliviano, diz Petrobras

http://www.google.com/hostednews/epa/article/ALeqM5goBdQU8qo1S_jcBURQGZZShlwIbA

Petrobras diz que cumprirá acordo de gás com Bolívia e nega negociação

http://www.google.com/hostednews/epa/article/ALeqM5gxwa9W4PEMtLhBmtcEWC0Pvvy8Ow

As agências também deram destaque aos planos da Petrobras de construir o terceiro terminal de GNL. O Wall Street Journal informa que a diretora Maria das Graças Foster teria dito que a Petrobras já selecionou o local para o terminal, o qual ainda não foi revelado. O jornal informa que o crescimento da demanda por energia no País forçará a empresa a continuar a aumentar sua presença no GNL, incluindo um possível quarto terminal no futuro. Segundo a matéria, Foster teria dito que a “Petrobras precisa construir estes terminais devido aos contratos de fornecimento que assinou”. A matéria informa que Foster teria dito ainda que a Petrobras estuda a possibilidade de construir uma instalação de armazenamento de fluido criogênico terrestre ou flutuante e uma pequena usina de liquefação.

Petrobras: Planeja a construção do terceiro terminal de GNL até 2013

http://online.wsj.com/article/BT-CO-20091007-707488.html                  

A Reuters distribuiu despacho sobre o interesse da Petrobras em campos do pré-sal ao norte das recentes descobertas na costa brasileira. Segundo a matéria, o diretor de Exploração e Produção da empresa, Guilherme Estrella, disse que a Petrobras está considerando a perfuração de um poço no pré-sal na Bacia do Jequitinhonha, na Bahia, dependendo da disponibilidade de sondas. A Upstream reproduziu a matéria da Reuters.

Petrobras interessada no petróleo do pré-sal ao norte das descobertas existentes

http://www.reuters.com/article/rbssEnergyNews/idUSN0721515720091007

Petrobras interessada em mais petróleo do pré-sal

http://www.upstreamonline.com/live/africa/article195204.ece

O Diário Económico, de Portugal, tem matéria sobre a declaração do presidente da Petrobras, José Sergio Gabrielli, de que a Galp seria sua “parceira favorita”. Segundo o jornal, Gabrielli explica a estratégia de crescimento da petrolífera brasileira e salienta a importância da parceria com a Galp em entrevista. A Bloomberg distribuiu despacho sobre a matéria do Diário Económico.

Presidente da Petrobras diz que a Galp é a sua “parceira favorita”

http://economico.sapo.pt/noticias/presidente-da-petrobras-diz-que-a-galp-e-a-sua-parceira-favorita_71449.html

Petrobras e Galp planejam parceria em investimentos, relata Diário Económico

http://www.bloomberg.com/apps/news?pid=20601086&sid=aXeX5atITl7M

O jornal português O Diário Económico também publicou entrevista exclusiva com José Sergio Gabrielli, em que este diz que a Petrobras está “enfrentando a dor do crescimento”.

Brasileira Petrobras enfrenta as “dores do crescimento”

http://economico.sapo.pt/noticias/brasileira-petrobras-enfrenta-as-dores-do-crescimento_71451.html

A Reuters, o Wall Street Journal e a BNamericas fizeram matérias dizendo que a PDVSA terá que pagar à Petrobras US$ 400 milhões pela sua parte na refinaria Abreu e Lima. Segundo as matérias, Paulo Roberto Costa, diretor de Abastecimento da Petrobras, a PDVSA terá que pagar 40% do US$ 1 bilhão que a Petrobras já investiu na refinaria ao assinar o contrato por 40% de participação da mesma. 

Petrobras quer US$ 400 milhões da PDVSA para refinaria

http://www.reuters.com/article/rbssIntegratedOilGas/idUSN0748347920091007

Petrobras: não vê obstáculos para a transação da refinaria com a PDVSA

http://online.wsj.com/article/BT-CO-20091007-710962.html

PDVSA deve pagar US$400 milhões por participação em refinaria, diz Petrobras

http://www.bnamericas.com/news/oilandgas/PDVSA_must_pay_US*400mn_for_refinery_stake,_says_Petrobras

O jornal venezuelano El Universal e a EFE fizeram matérias informando que a PDVSA pode distribuir combustível no Brasil como parte do acordo de participação na refinaria binacional em construção. Para isto, as matérias revelam, a petrolífera venezuelana deverá seguir as regras da ANP, de acordo com declaração de Paulo Roberto Costa, diretor de Abastecimento da Petrobras.

PDVSA poderá distribuir combustível no Brasil

http://www.el-nacional.com/www/site/p_contenido.php?q=nodo/102914/Econom%C3%ADa/Pdvsa-podr%C3%A1-distribuir-combustible-en-Brasil-

PDVSA poderá distribuir no Brasil, mas nas mesmas condições que as outras

http://www.google.com/hostednews/epa/article/ALeqM5gyWnKLAI0G1udUAPibpRy_ssV6IA