Destaques Internacionais

Acertos do Pré-Sal e acordo entre Petrobras e governo venezuelano são os destaques desta quarta-feira 

A Dow Jones publicou outra matéria informando que a Petrobras afirmou que os 11 poços perfurados na Bacia de Santos apresentaram sinais de petróleo e gás. Segundo a empresa, de 2006 a 2008, cerca de 30 poços foram perfurados, com taxa de sucesso de 87%.

Petrobras: Taxa de Sucesso na Bacia de Santos é de 100%

http://online.wsj.com/article/BT-CO-20090728-719269.html

Petrobras diz que sucesso de Santos é de 100%

http://www.upstreamonline.com/live/article184502.ece

A Dow Jones e a EFE publicaram matéria sobre o encontro de José Sérgio Gabrielli, presidente da Petrobras, com executivos da PDVSA venezuelana.

Brasil: Petrobras enxerga acordo sobre refinaria com a PDVSA em setembro

http://online.wsj.com/article/BT-CO-20090728-716013.html

Chávez e presidente da Petrobras conversam sobre refinaria binacional

http://www.google.com/hostednews/afp/article/ALeqM5hdWKau9c-fDvRaRj_LOveTRHlT6w

“Acordo definitivo” entre PDVSA e Petrobrás

http://www.eluniversal.com/2009/07/29/imp_eco_art_acuerdo-definitivo_1497679.shtml

Petrobras prevê que em setembro assinará acordo sobre refinaria com a PDVSA

http://ewatch.prnewswire.com/rs/display.jsp?a=20579-703202539-1531339253&key=D|139846|S|0|x|703202539

A mídia internacional deu grande destaque à informação de que nove dos 28 poços perfurados na área do pré-sal estariam secos. A reportagem original publicada pelo jornal Valor Econômico na edição de ontem foi reproduzida ao longo da terça-feira por várias agências de notícias e sites internacionais, entre eles as agências Bloomberg, Dow Jones, AP, e os sites da Forbes e da Upstream.

Petrobras perfura 9 poços inviáveis no pré-sal, informa Valor

http://www.bloomberg.com/apps/news?pid=newsarchive&sid=a9w7AZkI9_Ys

Subsal brasileiro produz alguns poços secos

http://online.wsj.com/article/BT-CO-20090728-712645.html

Reportagem: Brasil descobrindo alguns poços secos nas águas profundas

http://www.forbes.com/feeds/ap/2009/07/28/ap6710165.html

Região brasileira do pré-sal vê poços secos

http://www.upstreamonline.com/live/article184490.ece

Os poços secos derrubaram as ações da Petrobras em mais de 2%, a maior queda em três semanas. A Bloomberg informa que o analista econômico do Banco do Brasil Nelson Rodrigues da Mata disse que “a Petrobras vendeu a ideia de 100% de sucesso na área do pré-sal, o que não é verdade, claro, porque você sempre trabalha com risco. E o maior risco ainda é entender a tecnologia de produção e exploração necessária” para extrair petróleo.

Ações da Petrobras caem com a notícia dos poços secos no pré-sal

http://www.bloomberg.com/apps/news?pid=newsarchive&sid=a7aFAcHuMeU4

Ações brasileiras fecham ligeiramente mais baixas com investidores realizando lucro, queda do petróleo

http://online.wsj.com/article/BT-CO-20090728-718343.html

Bovespa cai após 11 meses de alta com a queda da Petrobras

http://www.bloomberg.com/apps/news?pid=20670001&sid=a_ypxpOCFJnw

Em outro despacho, a Dow Jones informa que a petrolífera espanhola Repsol tem planos de perfurar mais dois ou três poços em águas profundas brasileiras nos próximos 18 meses.

Repsol espanhola planeja perfurar mais 2 ou 3 poços no Brasil

http://online.wsj.com/article/BT-CO-20090728-718798.html

Repsol e Petrobras encontram evidência de petróleo no bloco de Santos

http://www.bloomberg.com/apps/news?pid=20601086&sid=a5WHKwH6lvz0

Repsol faz descoberta na bacia de Santos

http://www.upstreamonline.com/live/article184499.ece

A Bloomberg deu nota informando que o BG Group disse que retomará os testes no poço Corcovado 1 quando o equipamento necessário chegar. 

BG testará poço Corcovado-1 novamente quando equipamento chegar

http://www.bloomberg.com/apps/news?pid=20601086&sid=afbP5gkM4fA4

A BNamericas tem despacho dizendo que os empreiteiros da Fosfertil e Petrobras suspenderam greve que começou em 7 de julho.

Empreiteiros da Fosfertil e Petrobras suspendem a greve

http://ewatch.prnewswire.com/rs/display.jsp?a=20579-703174980-1531238928&key=D|139846|S|0|x|703174980

A BNamericas também tem nota sobre as negociações para joint-venture do Resource Group International com a Petrobras.

Resource Group negocia joint-venture para fornecer serviços de EOR services

http://ewatch.prnewswire.com/rs/display.jsp?a=20579-703055790-1530974624&key=D|139846|S|0|x|703055790

O Asia Times online menciona o acordo da Petrobras com a Sinopec em matéria sobre os investimentos chineses no setor petrolífero. Segundo a matéria, o Brasil está entre os países produtores de petróleo que estão mantendo controle sobre seus recursos, o que preocupa as petrolíferas chinesas.

Parceiros petrolíferos da China seguram seus recursos

http://www.atimes.com/atimes/China_Business/KG30Cb01.html

A Petrobras é mencionada em outra matéria do Asia Times online informando que o Irã pretende utilizar a primeira plataforma semisubmersível de águas profundas no Mar Cáspio.

O Mar Cáspio ferve de novo

http://www.atimes.com/atimes/Central_Asia/KG31Ag03.html

A Petrobras é citada em artigo da EFE sobre o anúncio da sociedade entre a Shanghai Zhenhua Heavy Industry e a espanhola Arborec Desarrollos. Segundo a matéria, o administrador da sociedade afirma que, com o acordo, sua firma espera apoiar a presença espanhola na América Latina, onde poderá alugar plataformas de empresas como a Petrobras.

China fecha grande contrato de petrolíferas com sociedade espanhola

http://ewatch.prnewswire.com/rs/display.jsp?a=20579-703387987-1531544569&key=D|139846|S|0|x|703387987

Na Argentina, o jornal Cronista diz que as petroleiras esperam produzir 17%  menos petróleo e gás nos próximos 3 anos, segundo projeções das próprias empresas apresentadas ao governo.

Na Bolívia, o jornal Los Tiempos informa que a Camara Boliviana de Hidrocarburos organiza um Congresso Internacional de petróleo no país, em agosto. Diz que participam representantes da Braskem e da Petrobras, entre outras.

No Equador, o jornal El Comercio diz que a Petroecuador e a Petrochina fecharam acordo para venda antecipada de petróleo e antecipação de recursos no valor de US$ 500 milhões, com taxas de juros de 8,25%. Cita acordo da China com a Petrobras.

Também no Equador, osite do El Mercurio trata do assunto e divulga nota do presidente da Petroecuador defendendo a legalidade do acordo. Diz que foi resultado de consenso com autoridades econômicas do país. Também cita acordo com a Petrobras

No site de notícias em inglês e chinês  Asia Times, baseado em Hong Kong, análise sobre os contratos para fornecimento de petróleo fechados pela China, inclusive o acordo com o Brasil.

No site PennEnergy , matéria diz que a National Iranian Oil Company espera começar perfurações no Mar Cáspio dentro de um mês, usando o recém-construído semisubmersível. Cita o diretor executivo da Khazar Oil Co., Mohamed Hosein Dana, dizendo que a NIOC esperar ganhar expertise da Petrobras em perfuração em águas profundas.

Nos Emirados Árabes Unidos, o jornal The National traz matéria sobre os planos da Abu Dhabi Aviation, empresa que possui a maior frota de helicópteros do Oriente Médio. O diretor executivo da empresa, Nadir al Hammadi, diz que a empresa está tentando ser reconhecida pelas grandes empresas de petróleo como Petrobras e Petronas para fornecer apoio em projetos offshore.

No site da Forbes, matéria sobre as dificuldades da americana Valero. Cita a Petrobras e a Petrochina entre os possíveis interessados na compra de refinaria da empresa.