Destaques Internacionais 25/03/2010

Capitalização entre os destaques da imprensa estrangeira nesta quinta-feira 

A Reuters informa que, segundo o presidente da Petrobras, José Sergio Gabrielli, a capitalização é fundamental para o plano de investimentos. O site Upstream também repercute declarações de Gabrielli. 

Presidente da Petrobras afirma que capitalização é chave para investimentos

http://www.reuters.com/article/idUSN2416445620100324 

Injeção de recursos é vital, diz Gabrielli

http://www.upstreamonline.com/live/article209413.ece 

Segundo a Reuters, o presidente da Petrobras disse que não espera quedas no preço do petróleo em um futuro próximo. Gabrielli afirma que a pressão governamental, que levou à injeção de US$ 50 bilhões no capital da empresa, foi fundamental para o plano de investimentos de cinco anos. 

Presidente da Petrobras não espera grandes quedas no preço do petróleo

http://www.reuters.com/article/idUSSAS00207620100324 

Em notícia sobre o corte promovido pelo Banco Central nos custos de transações internacionais, a Reuters revela que os legisladores brasileiros podem estar preparando um grande aporte de fundos na Petrobras, com um plano de US$ 60 bilhões para reforçar seu capital base. 

Brasil diminui custos de transações internacionais

http://www.reuters.com/article/idUSN2418545520100325 

A CNBC divulga que o presidente da Petrobras Colômbia destaca o crescimento na importância das atividades da empresa na Colômbia.

Investimento, Regulação, Parceria e Desenvolvimento são os principais temas do 4º encontro andino da Business News Americas, entre 14 e 16 de julho de 2010

http://www.cnbc.com/id/36021953 

Notícia da BNAmericas informa que o ministro de Agricultura, Reinhold Stephanes, disse que a Petrobras pode atuar também na exploração mineral para a produção de fertilizantes. A empresa possui reservas de potássio em Nova Olinda, Amazônia, e no Taquari, em Sergipe. 

Petrobras vai explorar materiais naturais para produzir fertilizantes, diz ministro

http://ewatch.prnewswire.com/rs/display.jsp?a=20579-828825803-1738489892&key=D|139846|S|0|x|828825803 

A BNAmericas e o Upstream repercutem a notícia, em inglês e em espanhol, de que a produção no poço do pré-sal de Tupi pode chegar a 30 mil barris diários. 

Produção em Tupi pode chegar a 30 mil barris diários

http://ewatch.prnewswire.com/rs/display.jsp?a=20579-828787777-1738349107&key=D|139846|S|0|x|828787777 

Produção em Tupi pode chegar a 30 mil barris diários

http://ewatch.prnewswire.com/rs/display.jsp?a=20579-828777174-1738321366&key=D|139846|S|0|x|828777174 

Petrobras divulga avanços em Tupi

http://www.upstreamonline.com/live/article209365.ece 

O Oil & Gas Journal também informa que um grupo de três companhias assinaram contrato com a estatal uruguaia AN-CAP para explorar dois blocos na plataforma continental do país. A brasileira Petrobras operará um dos blocos e a argentina YPF o outro. A portuguesa GaIp é a terceira e atuará em ambos. 

Três companhias exploram blocos do Uruguai

http://ewatch.prnewswire.com/rs/display.jsp?a=20579-828643608-1738045300&key=D|139846|S|0|x|828643608 

No Canadá, o jornal Calgary Herald diz que a Petrobras vai começar a vender petróleo do Brasil a partir de ponto de distribuição em Okinawa no mês que vem, dando início à estratégia de aumentar a fatia de mercado da empresa no mercado do Nordeste da Ásia.