Destaques Internacionais 25/11/2009

Investimentos na Argentina e Comperj entre os destaques da imprensa estrangeira

O jornal argentino La Nación publicou nota dizendo que as empresas YPF, Rovella-Carranza e Petrobras apresentaram ofertas técnicas e econômicas para desenvolver três jazidas secundárias em Neuquén com um investimento de cerca de US$5 milhões.

Empresas petrolíferas apresentam ofertas para jazidas em Neuquén

http://ewatch.prnewswire.com/rs/display.jsp?a=20579-771031461-1640640243&key=D|139846|S|0|x|771031461

A BNamericas publicou matéria dizendo que a Ultrapar participará do Comperj, através de sua filial Oxiteno, para produzir óxido de etileno, de acordo com informações da Agência Estado. A matéria lembra que a Petrobras lidera o projeto Comperj e que a empresa afirmou que o cronograma do projeto não foi abalado pela crise econômica e que a primeira fase de operações deve começar em 2012.

Ultrapar participará do Comperj com produção de óxido de etileno

http://ewatch.prnewswire.com/rs/display.jsp?a=20579-771299210-1641150540&key=D|139846|S|0|x|771299210

A BNamericas publicou matéria, baseada em despacho da Reuters, sobre os planos da Petrobras para a construção de um complexo de fertilizantes nitrogenados no Mato Grosso do Sul. A matéria informa que a petrolífera também poderia investir na produção de fertilizantes no Espírito Santo e em Sergipe, onde a empresa produz uréia. A matéria informa que, com os novos projetos da Petrobras, o Brasil poderia se aproximar da autossuficiência na produção de fertilizantes.

Petrobras construirá complexo de fertilizantes nitrogenados no Mato Grosso do Sul

http://ewatch.prnewswire.com/rs/display.jsp?a=20579-771299217-1641150577&key=D|139846|S|0|x|771299217

Na Índia, o jornal Financial Chronicle traz matéria sobre descoberta de petróleo pelo consórcio BPCL, Videocon Industries e Anadarko na Bacia de Campos. Cita analistas dizendo que a Petrobras tem projetos na mesma área que estão dando bons resultados. A notícia foi publicada também pelo jornal indiano DNA, que conta histórico das demais descobertas na área pela Petrobras e que a Anadarko prevê que a descoberta pode ser grande.

Na edição de ontem do jornal Ultima Hora, do Paraguai, matéria sobre inauguração da nova sede da Petrobras em Assunção abre dizendo que a empresa pretende abrir novos postos de serviço no país.